Dom Orani é o novo arcebispo do Rio de Janeiro

O papa Bento XVI nomeou dom Orani João Tempesta arcebispo da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, transferindo-o da arquidiocese de Belém, no Pará, onde está desde dezembro de 2004.  Ele vai suceder ao cardeal dom Eusébio Oscar Scheid, 76, que renunciou ao governo da arquidiocese do Rio conforme o cânon 401 § 1º do Código de Direto Canônico que prescreve a renúncia do bispo ao completar 75 anos. A nomeação foi anunciada hoje, 27, ao meio dia, horário de Roma. Normalmente, as nomeações para bispos no Brasil são anunciadas nas quartas-feiras.

Continue lendo “Dom Orani é o novo arcebispo do Rio de Janeiro”

De volta à magia

Visionário é alguém que baseia seus objetivos em cima de supostas revelações. É alguém que argumenta que teve visões, e nelas lhe foi desvendado este e aquele segredo. Jesus foi o oposto de um visionário. As suas parábolas e ensinamentos pegam o chão da realidade. Nunca falou a ninguém: “em oração durante esta noite, tive uma visão, na qual me foi revelado que todos devem amar o seu próximo”. Nele o racional tinha forte presença, e a vida era encarada dentro de um sadio realismo. Entre nós, apesar de estarmos vivendo numa época de positivismo (sem a lógica da metafísica), e estarmos voltados para os fenômenos “científicos”, existe uma ampla camada da população que acredita em forças mágicas e misteriosas. E é claro, desacredita no resultado do esforço pessoal, e muito menos se abre para os auxílios da graça do Pai Celeste. É um apelo para entregar-se ao irracional, e desculpar-se da falta de ideal. É crer em forças ocultas. É adorar deuses falsos, porque admite que existem realidades que escapam ao poder de Deus. É uma idolatria. “Tendes visões inúteis e adivinhações erradas”  (Ez 13, 7). Vamos apreciar dois casos exemplares.

Continue lendo “De volta à magia”

Arquidiocese de Belo Horizonte lança Campanha da Fraternidade na Assembleia Legislativa

Mais de mil pessoas lotaram o plenário Juscelino Kubitschek, da Assembleia Legislativa de Belo Horizonte (MG), às 16h desta quinta-feira, 26, para o lançamento da Campanha da Fraternidade 2009, “Fraternidade e Segurança Pública” e lema: “A paz é fruto da Justiça”. De acordo com a assessoria da Assembleia, este é o maior público registrado em uma Reunião Especial da Casa.

Continue lendo “Arquidiocese de Belo Horizonte lança Campanha da Fraternidade na Assembleia Legislativa”

Escandalizar

Paulo, nascido há dois mil anos, usa a linguagem de Jesus contra o escândalo, que leva pessoas a serem de estorvo ou tropeço para os outros na caminhada: “Não escandalizeis a ninguém, nem judeus, nem gregos, nem a Igreja de Deus” (1 Cor 10, 32). O próprio Mestre já falara: “Melhor seria para ele se lhe pendurassem ao pescoço uma pedra de moinho e fosse lançado ao mar do que escandalizar um só desses pequeninos” (Lc 17, 2).

Continue lendo “Escandalizar”

Segurança Pública

O tempo da Quaresma nos prepara à celebração da maior solenidade religiosa da Igreja – a Páscoa de Jesus. É-nos propício passar pela experiência do Cristo da doação de vida. Ele nos convida a tomar um caminho diferente do comum. Só ganha a vida quem der a própria pelo semelhante. Para convencermos nosso eu sobre isso, precisamos de treinamento ou ascese, com a exercitação da penitência, da oração, do jejum, da caridade, do compromisso com o bem comum. Nesta direção, usamos textos próprios ou cartilhas que nos ajudam a orar em comum com as famílias vizinhas e as comunidades, meditando na Palavra de Deus, examinando nossas atitudes, comparando-as com o projeto dele e tomando melhores decisões para colocarmos em prática nossa fé e sermos coerentes com o seguimento a Cristo.

Continue lendo “Segurança Pública”